Brasões antigo e novo

Brasões antigo e novo

Translate

Follow by Email

Total de visualizações de página

sexta-feira, 27 de junho de 2014

HISTÓRIA DA FAMÍLIA

Brasão muito Antigo
BRASÕES FAMÍLIA STEPHAN

BRASÃO
Brasão moderno

Confederação Germânica

Na metade do século XIX o território que hoje conhecemos como Alemanha era uma região empobrecida pelas Guerras Napoleônicas (1803 a 1815), dominada pelos conservadores (soberanos da Prússia e da Áustria e os reis da Baviera, Hannover, Württemberg e Saxônia) que formavam a Confederação Germânica.
Além das disputas políticas entre as monarquias existia um sentimento liberal, que ameaçavam as o absolutismo e pregava, também, a unificação dessa região.
A pobreza era absoluta naquela sociedade predominantemente rural, com fortes disputas religiosas entre católicos e protestantes.
Mudau era um povoado, próximo à Frankfurt, próxima à Floresta Negra numa região montanhosa e fria, onde, numa pequena propriedade campesina morava a família Stephan.
MUDAU HOJE
Mudau é uma localidade, no distrito de Neckar-Odenwald, na região administrativa de Karlsruhe, estado de Baden-Württemberg;Baden-Württemberg é um estado federal (Bundesland) localizado no sudoeste da Alemanha, para leste do Alto Reno é o terceiro maior estado da Alemanha, tanto em área como em população. A sua capital é Stuttgart.

O estado tem a sudeste o Lago de Constança (Bodensee) e a fronteira com o land austríaco de Vorarlberg; faz fronteira com os cantões suíços de Turgóvia, Schaffhausen, Zurique, Argóvia, Basiléia-Campo e Basiléia - Cidade a sul, com os departamentos franceses do Haut-Rhin (Alto Reno) e Bas-Rhin (Baixo Reno) a ocidente, e com os länder alemães da Renânia-Palatinado (a oeste), Hessen (a norte) e Baviera (a este e nordeste).
O Reno define a sua fronteira oeste, assim como uma parte significativa da fronteira sul. Para leste situa-se a Floresta Negra (Schwarzwald). No sul, acha-se o sopé norte dos Alpes; aí se situam também o Lago Constança e a nascente do Danúbio (Donau). Outro rio importante é o Neckar, que passa pela capital Estugarda e desemboca no Reno em Mannheim.

Brasão da cidade
Os setores industriais mais importantes são: a construção de maquinas: Trumpf, Heidelberger Druckmaschinen, Festo, Voith, Liebherr, Putzmeister, Röhm; a construção de automóveis: Daimler AG (Mercedes-Benz), Porsche, a indústria têxtil: Hugo Boss, Trigema, Steiff; Robert Bosch GmbH, Smart; as refinarias Oberrhein em Karlsruhe são as maiores da Alemanha;
O chamado "Ländle“ (pequeno pais, visto que nos dialetos locais utilizam-se muitos diminutivos) é a segunda região turística da Alemanha, depois da Baviera.
Em Baden Württemberg as pessoas falam diferentes dialetos, suabos e alemânicos.

ORIGEM DO NOME STEPHAN

Sant Stephan
É comum o nome e/ou sobrenome STEPHAN, na Áustria, na Alemanha e outros países da Europa, têm origem no culto a Santo Estevão, que é o padroeiro da Áustria. Em Viena existe a catedral de Saint Stephan, uma praça e uma avenida homônimas.
SANTO ESTEVÃO

Catedral de Sant. Stephan - Viena - Áustria 
Santo Estevão é o primeiro mártir do Cristianismo, sendo considerado santo por quase todas as denominações cristãs: Igreja Católica, Igrejas Ortodoxas e a Comunhão Anglicana. É celebrado a 26 de dezembro no ocidente e a 27 de dezembro no oriente.
Estevão foi um dos sete primeiros diáconos da igreja nascente, logo após a morte e ressurreição de Jesus, pregando os ensinamentos de Cristo e convertendo tanto judeus como gentios
Estevão pertencia a um grupo de cristãos que pregavam uma mensagem mais radical, um grupo que ficou conhecido como os helenistas, já que os seus membros tinham nomes gregos e eram educados na cultura grega e se separou do grupo dos doze apóstolos.
Foi detido pelas autoridades judaicas, levado diante do Sinédrio (a suprema assembléia de Jerusalém), onde foi condenado por blasfêmia, sendo sentenciado a ser apedrejado.
O seu nome vem do grego Στέφανος (Stephanós), o qual se traduz para aramaico como Kelil, significando coroa - e Santo Estevão é representado com a coroa de martírio da cristandade, recordando assim o fato de se tratar do primeiro cristão a morrer pela sua fé- o protomártir.
VIAGEM DA FAMÍLIA STEPHAN QUE VEIO À JUIZ DE FORA
Mudau fica a 537 km do porto de Hamburgo, o caminho passa por Frankfurten am Main e por Hanover. Essa foi a primeira parte da viagem empreendida pela família Stephan.
Depois de acertar os documentos e assinar o contrato embarcaram na barca Gessner sob o comando do Capitão Lankeau e iniciaram a viagem no dia 21 de maio de 1858 que duraram 68 dias e chegou ao porto do Rio de Janeiro em 29 de julho. Nesse navio vieram 249 passageiros mais a tripulação.
Mais alguns dias, em agosto, chegaram a Santo Antonio do Paraibuna (Juiz de Fora) e aqui se estabeleceram.
QUEM VEIO DOS STEPHAN
O contrato foi assinado por Carl Stephan, 30 Anos, sua profissão era batedor de pedra (Steinklopfer) ; Franzisca Stephan, 24 anos; Berta Stephan, 22 anos; Maria Stephan, nove meses (os outros sobrenomes são parentes ou agregados); Peter Seiher, 42 anos; Caspar Schlaier, 25 anos Mathilde Schlaier, 23 anos; Isedor Schaefer, 18 anos.

DESTAQUE NA INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE CARNES NO SÉCULO XX EM JUIZ DE FORA

Anna Schaefer se casou com Jacob Stephan Sobrinho por volta de 1910 e adotou o nome de casada de Anna Stephan, Tiveram cinco filhos: Amélia, Arlindo João (02/11/1913) Dulce Joaquina, Arnaldo Filisbino (22/03/1924) Jorge Luiz (11/04/1930). Jacob se dedicou ao ramo de açougues e assim o fizeram seus filhos homens. 
LUIZ ANTONIO CAIXEIRO STEPHAN
Da mesma forma, alguns de seus netos estiveram também, presentes nesse ramo, mas apenas Luiz Antonio Caixeiro Stephan seguiu por longo tempo a tradição familiar, acompanhado de seu sócio e cunhado Edgard Danilo Alves da Silva.
Essa história durou quase todo o século XX provavelmente iniciou-se já na segunda década terminando em 2009 quando a ultima empresa ligada à família encerrou as atividades.
Durante esse tempo, sendo uma atividade extremamente difícil e desgastante, diversas empresas foram criadas e encerradas.
Acesse à página específica sobre: DESTAQUE NA INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE CARNES NO SÉCULO XX EM JUIZ DE FORA
http://stephanfamilia.blogspot.com.br/p/acougue-sao-jose-p-or-um-periodo-foi.html